Acompanhe o IESS nas redes sociais:
Notícias
Renda de beneficiários de planos de saúde é muito parecida em todo o País, aponta IESS
24/04/2013

Pesquisa inédita da entidade revela, ainda, que renda dos beneficiários está crescendo em ritmo mais acelerado do que a mensalidade dos planos

São Paulo, 24 abril de 2013 – Os beneficiários de planos de saúde apresentam rendimentos similares em todo o Brasil, apesar das disparidades econômicas entre as diversas regiões brasileiras. A constatação faz parte de estudo inédito do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS). Os rendimentos mensais da parcela da população que tem planos de saúde individuais varia de R$ 2.937, no Nordeste, a R$ 3.413, no Centro-Oeste, passando por R$ 3.032, no Sul, R$ 3.028, no Norte, e R$ 2.958, no Sudeste, respectivamente. Uma diferença de apenas 16,2% entre a região com a menor e a maior renda média, ainda que, no restante do País, existam significativas diferenças de custo de vida. O estudo revela, também, que o rendimento de não beneficiários de planos de saúde varia de R$ 372, no Nordeste, a R$ 715, no Sul – uma diferença de 92,2%. A pesquisa pode ser vista na integra no endereço: http://iess.org.br/TDIESS00452013ComparaoRenda.pdf

Na região Centro-Oeste, entretanto, não foram considerados os dados do Distrito Federal, devido às características singulares dessa região de elevada renda per capita. A título de comparação, no Distrito Federal, um beneficiário de plano de saúde tem, em média, rendimentos de R$ 6.119, e um não beneficiário, de R$ 888. Todos os valores foram atualizados para dezembro de 2012.

Ainda segundo a pesquisa, que leva em conta dados das PNADs de 2003 e 2008 – últimos anos em que foram coletadas informações sobre saúde –, o valor da mensalidade de planos individuais diminuiu, proporcionalmente, o comprometimento de renda dos beneficiários dessas categorias de contratos. Assim, o comprometimento da renda dedicado ao pagamento de planos de saúde caiu, em média, um ponto porcentual (p.p.), saindo de 9,6% para 8,6%.

O rendimento mensal cresceu proporcionalmente mais para os beneficiários de 18 a 59 anos do que os custos dos planos. Por faixa etária, os beneficiários com idade entre 18 e 29 tiveram crescimento no valor médio reportado da mensalidade, ao longo dos anos, da ordem de 25,7%, enquanto o rendimento cresceu 39,5%. Com isso, a parcela do rendimento comprometida com o pagamento de plano de saúde individual recuou de 12,4% para 11,2%.

No caso daqueles com idade de 30 a 39 anos, as mensalidades subiram 23,4%, enquanto o rendimento aumentou 31,7% e a participação do rendimento comprometido caiu de 8,2% para 7,7%. Já para quem possui de 40 a 49 anos, os planos subiram 29,7%, ao passo que o rendimento aumentou 43,7% e o comprometimento desse rendimento cedeu de 8,1% para 7,3%. Por fim, para aqueles com idade de 50 a 59, enquanto o valor reportado das mensalidades cresceu 27,1%, o rendimento aumentou 38,5% e a participação do rendimento destinado ao plano recuou de 8,3% para 7,7%.

Já os beneficiários com 60 anos ou mais viram  seu rendimento mensal crescer 34,5% enquanto o crescimento do valor da mensalidade do plano de saúde foi de 35,5%, o que fez aumentar em 0,1 p.p. o total da renda comprometida com a mensalidade, que agora é de 11,2%.

Luiz Augusto Carneiro, superintendente-executivo do IESS, afirma que o avanço na criação de postos de trabalhos e no crescimento da renda são os principais determinantes para o menor peso dos planos individuais nas despesas dos beneficiários.

Ao mesmo tempo, o crescimento do emprego também influencia o segmento de planos de saúde coletivos, uma vez que esse é um importante benefício concedidos pelas empresas a seus colaboradores. De fato, o total de planos coletivos teve um impulso bastante superior ao de planos individuais, crescendo 70,2% no período, enquanto o número de planos individuais avançou 14,9%, atingindo 9 milhões de beneficiários.

Outro determinante para o crescimento da quantidade de planos individuais é a renda das pessoas que não possui nenhum plano. Uma vez que a massa de rendimentos da população cresce, também sobe a procura por este tipo de serviço. No período analisado, o rendimento dos não beneficiários aumentou, em média, 68,5%, enquanto o rendimento dos beneficiários avançou 40,7%, reduzindo a diferença salarial entre os dois grupos. Contudo, a diferença permanece muito grande. Em 2003, um beneficiário de plano de saúde recebia, em média, 4,8 vezes mais do que um não beneficiário. Até 2008, esse número caiu para 4,1.

A pesquisa considerou também a questão da idade, sendo que para o grupo que tem entre 18 e 29 anos essa diferença é menor, de 2,7 vezes em favor dos beneficiários, e entre as pessoas com mais de 60 anos a diferença sobe para 4,2 vezes, também em favor dos beneficiários de planos de saúde. “Considerando que a economia continue possibilitando um aumento da renda superior ao do reajuste dos planos e que ter um plano de saúde ainda é um dos principais desejos de consumo das famílias, o mercado de saúde suplementar apresenta grande potencial de crescimento nos próximos anos”, estima Carneiro.

VEJA TAMBÉM
[Ver Todos]

CALENDÁRIO

dezembro / 2018
  • 12 Seminário Decisões na Saúde
outubro / 2018
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
setembro / 2018
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
agosto / 2018
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
  • 15 Seminário Internacional - Qualidade Assistencial e Segurança do Paciente em Serviços de Saúde
julho / 2018
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
junho / 2018
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
maio / 2018
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
abril / 2018
  • 24 Índice de Confiança do Consumidor
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
março / 2018
  • 23 Índice de Confiança do Consumidor
  • 01 PIB
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
  • 23 Variáveis de ocupação - PNAD contínua
fevereiro / 2018
  • 23 Índice de Confiança do Consumidor
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
janeiro / 2018
  • 10 Inflação (IPCA)
  • 25 Índice de Confiança do Consumidor
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
dezembro / 2017
  • 08 Inflação (IPCA)
  • 22 Índice de Confiança do Consumidor
  • 01 PIB
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
  • 07 Seminário Qualidade e Eficiência na Saúde
novembro / 2017
  • 10 Inflação (IPCA)
  • 28 Índice de Confiança do Consumidor
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
  • 17 Variáveis de ocupação - PNAD contínua
outubro / 2017
  • 25 Índice de Confiança do Consumidor
  • 26 Seminário IESS/HIS
maio / 2017
  • 31 Seminário: Incorporação de Tecnologias na Saúde Suplementar
março / 2017
  • 07 PIB
fevereiro / 2017
  • 23 Variáveis de ocupação - PNAD contínua
janeiro / 2017
  • 11 Inflação (IPCA)
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
dezembro / 2016
  • 09 Inflação (IPCA)
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
  • 23 Índice de Confiança do Consumidor
  • 06 Celebração de 10 anos de IESS
novembro / 2016
  • 09 Inflação (IPCA)
  • 30 PIB
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
  • 22 Variáveis de ocupação - PNAD contínua
  • 24 Índice de Confiança do Consumidor
outubro / 2016
  • 07 Inflação (IPCA)
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
  • 26 Índice de Confiança do Consumidor
  • 26 Seminário Internacional "Indicadores de qualidade e segurança do paciente na prestação de serviços na saúde"
setembro / 2016
  • 09 Inflação (IPCA)
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
  • 27 Índice de Confiança do Consumidor
  • 27 Seminário "Tecnologia na saúde Suplementar" no Hospital Innovation Show
agosto / 2016
  • 10 Inflação (IPCA)
  • 31 PIB
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
  • 17 Variáveis de ocupação - PNAD contínua
  • 24 Índice de Confiança do Consumidor
  • 31 Seminário Internacional "Novos produtos para saúde suplementar"
julho / 2016
  • 08 Inflação (IPCA)
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
  • 25 Índice de Confiança do Consumidor
junho / 2016
  • 08 Inflação (IPCA)
  • 01 PIB
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
  • 27 Índice de Confiança do Consumidor
maio / 2016
  • 06 Inflação (IPCA)
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
  • 19 Variáveis de ocupação - PNAD contínua
  • 24 Índice de Confiança do Consumidor
  • 06 A cadeia de saúde suplementar: avaliação de falhas de mercado e propostas de políticas
abril / 2016
  • 08 Inflação (IPCA)
  • 26 Índice de Confiança do Consumidor
  • 01 Taxa de juros - Selic
  • 01 Taxa de câmbio
  • 26 Índice de Confiança do Consumidor
março / 2016
  • 29 Índice de Confiança do Consumidor
  • 23 Rendimento Médio Real - PME
  • 27 Índice de Confiança do Consumidor
fevereiro / 2016
  • 22 Índice de Confiança do Consumidor
janeiro / 2016
  • 25 Índice de Confiança do Consumidor
novembro / 2015
  • 12 Cerimônia de premiação do V Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar
outubro / 2015
  • 20 Seminário Internacional "OPMEs: Análise setorial e adoção de boas práticas"
setembro / 2015
  • 03 Seminário "Efeitos da regulação sobre a saúde suplementar"
maio / 2015
  • 28 Seminário Internacional "Evolução dos custos na Saúde Suplementar"
novembro / 2014
  • 27 Seminário Internacional "A Sustentabilidade da Saúde Suplementar"
outubro / 2014
  • 29 Cerimônia de entrega do IV Prêmio IESS de Produção Científica
novembro / 2013
  • 07 III Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar
outubro / 2013
  • 15 III Seminário "Promoção de Saúde nas Empresas"
novembro / 2012
  • 27 Seminário Internacional “Projeções do custo do envelhecimento no Brasil”
outubro / 2012
  • 03 II Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar
  • 17 5° Aniversário do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar - IESS
outubro / 2011
  • 17 Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar

A saúde suplementar traduzida em dados de forma simples e prática

Infográficos didáticos explicam como funciona a saúde suplementar no país

VÍDEOS

Quem são os maiores vencedores do Prêmio IESS?

Transparência é fundamental para saúde suplementar

Sem ideia para concorrer ao Prêmio IESS?

DOCUMENTOS

Pesquisa IESS/Ibope 2019

Pesquisa realizada entre abril e maio de 2019, pelo Ibope Inteligência a pedido do IESS, com...

Nota sobre a Variação dos Custos Médico-Hospitalares (VCMH)

Entenda a diferença entre IPCA e...

Nota da análise especial do mapa assistencial da saúde suplementar - odontologia - ano: 2018

Em 2018, os beneficiários de planos de saúde exclusivamente...
RECEBA NOTÍCIAS
Cadastre-se e receba, periodicamente, os estudos e números mais atualizados sobre saúde suplementar
Enviar